Irmãos alagoanos se reencontram depois de 68 anos separados - Sertão News 24 Horas

Sertão News 24 Horas

Portal de noticias de Mata Grande-AL

Post Top Ad

PUBLICIDADE:












Irmãos alagoanos se reencontram depois de 68 anos separados



A última vez que dona Benedita viu o irmão, João Amaro, foi quando ela era adolescente. Depois de 68 anos separados, os irmãos finalmente se reencontraram, ela com 81 anos e ele com 91 anos .
João Amaro saiu de Alagoas com 23 anos e foi tentar uma vida melhor em São Paulo. “Tive vários empregos, me casei com minha ‘véia’ e perdi o contato com meus irmãos”, diz.
À medida que os irmãos iam crescendo, cada um foi para um estado diferente. No ano passado, João Amaro reencontrou uma outra irmã, Natália, que mora em Minas Gerais, e o irmão Antônio, que mora em Rondônia. Esse ano, ele reencontrou a irmã que faltava.
“Eu encontrei a Natália e depois o Antônio. Mas faltava a Benedita ainda. E eu só consegui graças à internet”, diz.
O caminho da reaproximação dos irmãos começou quando a esposa de João Amaro morreu e o marido da neta dele, que é investigador de Polícia, viu os nomes dos parentes no atestado de óbito. A partir daí começaram as buscas por Benedita pela internet.
O reencontro dos irmãos foi emocionante. Abraços, beijos e apertos de mãos. “Ele quer que eu vá morar em São Paulo, mas eu tenho meus filhos e netos aqui e tem uma pessoa que cuida muito bem de mim. Quem sabe depois”, diz Benedita.

G1